Leitura Estratégica

Alunos de Publicidade do IESB irão produzir peças para a Unicef

A ideia é propor aos alunos uma experiência com um cliente real, com uma demanda que deve ser cumprida pelos alunos com uma data limite para a apresentação do produto


O Centro Universitário IESB e a Unicef acabam de firmar parceria para 2020. Os alunos de Publicidade, por meio do Projeto Integrador, que leva a prática para dentro da sala de aula, vão desenvolver peças publicitárias para divulgar as ações da organização. A Unicef é mundialmente conhecida por prestar auxílio social para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Os melhores trabalhos serão utilizados pela Unicef em seus canais de comunicação.

Em fevereiro é dada a largada. Os professores do IESB irão se reunir com os responsáveis pelo marketing da Unicef e irão decidir quais as demandas da organização. Após esta etapa, será elaborado um briefing (documento com as demandas do cliente) para ser entregue aos alunos.

De acordo com o coordenador do curso de Publicidade do Centro Universitário IESB, Nícolas Caballero, o cliente de 2020 será uma oportunidade para os alunos produzirem peças com um contexto mais social. “É uma instituição de renome mundial, conhecida pelos seus programas sociais, principalmente, com as crianças carentes. Acredito que a gente possa contribuir com campanhas, planejamentos e assim por diante”, afirma.Ao longo do semestre, serão produzidas sete peças por cada grupo de aluno participante do Projeto Integrador. As produções serão classificadas em ouro, prata e bronze.

Projeto Integrador

Para manter a máxima do IESB de alinhar a teoria com a prática, a instituição promove o Projeto Integrador. O programa consiste em uma atividade prática que ocorre ao longo do semestre. A ideia é propor aos alunos uma experiência com um cliente real, com uma demanda que deve ser cumprida pelos alunos com uma data limite para a apresentação do produto. Além do curso de Publicidade, participam os cursos de Engenharia, Ciência da Computação, Gestão, Administração, Fotografia, entre outros.

Alunos de Publicidade do IESB irão produzir peças para a Unicef

A ideia é propor aos alunos uma experiência com um cliente real, com uma demanda que deve ser cumprida pelos alunos com uma data limite para a apresentação do produto


O Centro Universitário IESB e a Unicef acabam de firmar parceria para 2020. Os alunos de Publicidade, por meio do Projeto Integrador, que leva a prática para dentro da sala de aula, vão desenvolver peças publicitárias para divulgar as ações da organização. A Unicef é mundialmente conhecida por prestar auxílio social para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social. Os melhores trabalhos serão utilizados pela Unicef em seus canais de comunicação.

Em fevereiro é dada a largada. Os professores do IESB irão se reunir com os responsáveis pelo marketing da Unicef e irão decidir quais as demandas da organização. Após esta etapa, será elaborado um briefing (documento com as demandas do cliente) para ser entregue aos alunos.

De acordo com o coordenador do curso de Publicidade do Centro Universitário IESB, Nícolas Caballero, o cliente de 2020 será uma oportunidade para os alunos produzirem peças com um contexto mais social. “É uma instituição de renome mundial, conhecida pelos seus programas sociais, principalmente, com as crianças carentes. Acredito que a gente possa contribuir com campanhas, planejamentos e assim por diante”, afirma.Ao longo do semestre, serão produzidas sete peças por cada grupo de aluno participante do Projeto Integrador. As produções serão classificadas em ouro, prata e bronze.

Projeto Integrador

Para manter a máxima do IESB de alinhar a teoria com a prática, a instituição promove o Projeto Integrador. O programa consiste em uma atividade prática que ocorre ao longo do semestre. A ideia é propor aos alunos uma experiência com um cliente real, com uma demanda que deve ser cumprida pelos alunos com uma data limite para a apresentação do produto. Além do curso de Publicidade, participam os cursos de Engenharia, Ciência da Computação, Gestão, Administração, Fotografia, entre outros.